Communard

Políticas, economias e ideologias

Archive for maio 2011

Palloci e a autofagia da traição

leave a comment »

Quem quer Palocci, afinal? A esquerda que via nele a ala que atraiçoou as bandeiras sociais petistas com seu neoliberalismo que paralizou o primeiro mandato do governo Lula? Palocci esse que foi o único ‘petista’ convidado a palestrar no ultra-diretista Instituto Millenium? Palocci esse elogiado, pasmém, pelo José Serra, líder defunto da tentativa de exumar a UDN.

Mas quem então bancou este senhor? Terá realmente sido o Lula, conforme diz a mesma imprensa que chancelou a ‘tomografia da fita crepe’, a mesma imprensa que afirmava com completa certeza a preferência pelos caças franceses (que depois se provou ser preferência de Nelson Jobim, não de Lula), a mesma imprensa de tantas falcatruas?

Mas claro, não pode alegar inocência alguém que consente no silêncio ao admitir Palocci no governo, seja pelo seus serviços prestados aos conservadores, que agora o atraiçoam sem dó nem piedade, seja pelos seus deserviços prestados ao país.

A grande imprensa conservadora, por essa razão, lhe dá o direito de se defender na Santa Inquisição, direito esse que Dirceu, cujo não tem uma só prova contra ele, nunca teve, não tem e nunca terá. Ainda que nos dois casos a sentença já esteja dada, a diferença de tratamento é gritante.

Espero, sinceramente, que nossa presidente, que com certeza não o queria em seu governo (como prova o fato dele não ter retornado à equipe econômica e ter seu ministério perdido o PAC), não apadrinhe essa Persona Non Grata, e deixe que ele prove o gostinho traiçoeiro de seus amiguinhos da direita.

O esquartejamento político de Palocci será a melhor lição de moral para os outros governistas que se sentirem seduzidos a se aliarem com a direita no país.

Anúncios

Written by ocommunard

23 de maio de 2011 at 13:25

Publicado em Reflexão