Communard

Políticas, economias e ideologias

Bresser-Pereira sofre censura ideológica

leave a comment »

Será que é notícia quando um dos fundadores do maior partido de oposição deixa o partido acusando o presidente de honra de tal partido de ter se vendido? de seu antigo partido de centro-esquerda ter se transformado em um partido de direita? de ter condenado a conversão do partido da social-democracia brasileira em um partido do neoliberalismo?

Não é notícia para a Veja, Estadão, Globo e Folha – mais conhecidos como PIG, partido da imprensa golpista.

Para as ditas mídias (que copiam descaradamente a ultra-direitista Fox News), esse fato não foi apenas minimizado, ou escondido prudentemente em algum terreno baldio de sua publicação, para as oligarquias midiáticas que não fazem jornalismo, mas propaganda (assistam OUTFOXED para entender, há no youtube legendado), esse fato simplesmente NÃO EXISTIU.

Bresser-Pereira foi silenciado, amordaçado e banido pelo PIG. Esse é o que eles chamam de liberdade de imprensa, a liberdade de mentirem e omitirem qualquer informação que não siga seus preconceitos ideológicos e interesses políticos. E a objetividade? E a imparcialidade? E e o equilíbrio?

Para o feudalismo midiático brasileiro nunca existiu jornalismo, apenas um palanque político reacionário sem nenhum escrúpulo de qualquer ordem. O que falar de meios de comunicação, sobretudo a Globo, que lançou inúmeros editoriais defendendo e apoiando o golpe militar de 1964? Que moral eles tem em falar de democracia, liberdade e direitos humanos? Apoiaram golpistas, censores e torturadores… e esta mesma Globo, que entrou na ditadura como um pequeno jornal e saiu como uma das maiores impérios midiáticos do mundo, coincidência ou troca de favores entre ditadores e seus apoiantes?

Mais uma vez o PIG mostrou sua face corrupta, deturpada e truculenta; e mais uma vez a internet mostrou que os dias do PIG estão contados. Infelizmente, outras empresas de mídia acabam orbitando em torno do PIG, aparentemente são apenas empresas-espelho sem nenhuma produção jornalística original ou identidade editorial. Só nos restou a internet para lutar em nome da verdade, apenas a verdade, nada mais do que a verdade… pois “somente a verdade é revolucionária” (Gramsci).

Anúncios

Written by ocommunard

10 de abril de 2011 às 20:01

Publicado em Reflexão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: